6 métodos infalíveis para escrever um Best-Seller segundo Dan Brown


1. Contrate Robert Langdon. O personagem está em três dos cinco livros de Brown. Nos outros dois, o protagonista é um genérico de Langdon: um académico com alguma mania esquisita, fascinado por decifrar símbolos;

2. Dê a esse personagem uma alma gémea feminina, bela, inteligente e, invariavelmente, a maior especialista do mundo na sua área. Juntos, eles terão um morno caso de amor e uma tórrida conjunção mental para unir peças de quebra-cabeças;

3. Dê um banho de esoterismo na dupla, com mistérios que alteram a compreensão tradicional de grandes temas, de preferência alimentando polémica com a religião, a ciência ou a política;

4. Crie um grande vilão estereotipado. Pode ser um albino sadomasoquista na versão para o cinema de "O código Da Vinci", um jovem maçom coberto de tatuagens simbólicas no novo romance...

5. Desmascare uma sociedade secreta. Não importa se você tiver de difamar uma já existente. Em "O código Da Vinci", foi a Opus Dei. Em "Anjos e demónios", os Illuminati. No novo livro, a maçonaria;

6. Escolha um ponto turístico conhecido e visitado. Exemplos: o Vaticano, de "Anjos e demónios", o Museu do Louvre, em "O código Da Vinci", e o Capitólio, em "O símbolo perdido". Depois do seu livro, o ponto turístico a que se refere na sua obra, será ainda mais conhecido e visitado;

Fonte

0 comentários:

Enviar um comentário

Seguir por Email

Tradutor

Acerca de mim

A minha foto
Artes Plásticas e Multimédia

Publicações mais recentes

Pesquisas Frequência X

Arquivo Frequência X

Seguidores